quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

NL-4251468

Não sei exactamente de onde é este postal mas o google images sugere Zaanse Schans. Eu até já lá estive e apesar de no postal não se ver grande coisa da aldeia, acho que realmente o postal pode ser de lá. 

NL-4251468, enviado pela Gemma.
Chamam-lhe aldeia típica mas Zaanse Schans é um museu ao ar livre. Apresenta a arquitectura tradicional da área, as casinhas verdes em madeira, moinhos e oficinas de artesanato. É uma das principais atracções turísticas da Holanda e recebe milhares de turistas todos os anos. 
A maior parte dos edifícios foi trazido de outros locais da região e depois restaurados. A ideia foi criar uma aldeia típica holandesa do século XIX. 

domingo, 9 de dezembro de 2018

Trabalho vs diversão

Assim é a vida, enquanto uns trabalham outros divertem-se!! Enquanto a senhora suiça apanha batatas, as amigas belgas apanham banhos de sol. 

éditions mythra
O Óscar sabe como gosto de postais com velhotes e desta vez enviou-me esta senhora, que apesar de estar a trabalhar, parece estar feliz, para me desejar um feliz Natal. 

A Raquel não sabia que eu coleccionava postais com idosos mas a Inês disse-lhe.  Aproveitando o facto da Inês estar a passar férias na Bélgica, fizeram um pequeno encontro em Antuérpia, de onde enviaram este postal. 

Castelo de Neuschwanstein - Alemanha

O Castelo de Neuschwanstein é possivelmente um dos castelos mais conhecidos do mundo, não é de admirar que tenha na minha colecção vários postais de lá. Só falta mesmo ir lá fazer uma visita porque apesar de ter estado na Baviera em Outubro, não o fui visitar. 

O Castelo de Neuschwanstein é um dos castelos mais visitados na Alemanha e um dos destinos turísticos mais populares da Europa.
O castelo está localizado na Baviera, perto da cidade de Fussen. Foi construído pelo rei Ludwig II da Baviera, igualmente conhecido como o "rei dos contos de fadas".

© Foto Studio Verlag Kienberger
DE-7682155, enviado pela Melia.
O rei Ludwig foi um grande admirador e defensor do compositor Richard Wagner. O castelo foi construído em sua honra e muitos quartos no interior do castelo foram inspirados nas personagens de Wagner.

Copyright: Foto Studio Verlag Kienberger
DE-3654451, enviado pela Lotte.
O terceiro andar reflecte particularmente a admiração de Ludwig pelas óperas de Wagner. O Hall dos Cantores, que ocupa todo o quarto andar de Neuschwanstein, também contém personagens das óperas de Wagner.
Neuschwanstein significa literalmente "Castelo do Novo Cisne" em referência ao "Cavaleiro do Cisnet" um dos personagens de Wagner.

Neuschwanstein foi construído no século XIX na Baviera, numa época em que os castelos não tinham mais fins estratégicos e defensivos.
Apesar da aparência medieval, o seu interior foi equipado com tecnologia de ponta da época. Por exemplo, em cada andar do castelo havia casas de banho com autoclismo, bem como um sistema de aquecimento de ar para todo o castelo. A água era fornecida por uma nascente próxima situada a apenas 200 metros acima do castelo.

 DE-2624717, enviado pelo Klaus.
O castelo está localizado nos Alpes na Baviera, inserido uma paisagem magnífica, no topo de uma colina. 
Além disso, Neuschwanstein fica muito perto da cidade de Fussen, que é também um popular destino turístico na Alemanha.


DE-425666, enviado pela Andrea.
A construção do castelo de Neuschwanstein começou em 1869, e originalmente foi projectada para durar três anos. Mas Ludwig II queria que o castelo fosse perfeito, de modo que o imenso edifício não terminou nem mesmo após a morte de Ludwig em 1886.

O castelo tem um belo jardim interior cercado por um pátio. Existe também uma caverna artificial. O interior de Neuschwanstein é tão bonito quanto seu exterior. Apesar de apenas 14 quartos terem sido terminados antes da morte súbita de Ludiwg II em 1886, estes quartos foram majestosamente decorados.

Alpiner Kunstverlag Hans Huber, Garmisch-Partenkirchen
US-2051824, enviado pela Louise.
A sala do trono foi projectada em estilo bizantino, com pinturas de parede retratando anjos. Ironicamente, não há trono na Sala do Trono, uma vez que Ludwig morreu antes de estar completamente terminada.

© Schöning GmbH & Co. KG
DE-5927634, enviado pelo Ecke.
Este castelo de conto de fadas inspirou Walt Disney para criar o seu reino mágico. 
Hoje, Neuschwanstein é o castelo mais visitado na Alemanha, e um dos destinos turísticos mais populares do mundo, sendo visitado todos os anos por mais de 1.300.000 pessoas. 

Catedral de Florença - Itália

Uma viagem pela Toscana não fica completa sem uma visita a Florença, a sua capital. A cidade atrai milhões de turistas todos os anos, muito por culpa do seu belo centro histórico que foifoi declarado Património da Humanidade pela UNESCO em 1982. A cidade é conhecida pela sua cultura, arte renascentista, arquitectura e monumentos.
O monumento mais conhecido da cidade é a catedral, Santa Maria del Fiore, conhecida como o Duomo.
Junto aqui dois postais da catedral, um enviado pelo Riccardo e o outro pela Theresa. 

A construção da Catedral de Florença foi iniciada em 1296 em estilo gótico segundo um projecto de Arnolfo di Cambio e foi estruturalmente concluída em 1436, com a cúpula projectada por Filippo Brunelleschi. O exterior da basílica é revestido com painéis de mármore policromado em vários tons de verde e rosa, delimitado por branco, e tem uma elaborada fachada gótica do século XIX de Emilio De Fabris.

Foto: A. Tradii
O complexo da catedral, na Piazza del Duomo, inclui o Batistério e o Campanário de Giotto. A basílica é uma das maiores igrejas da Itália, e até o desenvolvimento de novos materiais estruturais na era moderna, a cúpula era a maior do mundo. Continua a ser a maior cúpula de tijolos alguma vez construída.

sábado, 8 de dezembro de 2018

Siena - Itália

Uma das cidades italianas que mais quero conhecer, é Siena. Uma próxima vez que vá a Itália, tenho que lá ir. Aliás, uma próxima viagem a Itália, terá que passar obrigatoriamente pela região da Toscana, onde há imensa coisa para ver, incluindo 6 locais Unesco, sendo um deles o centro histórico de Siena.
A Tjitske enviou-me um postal de lá há uns anos, quando lá esteve a frequentar um curso de italiano e agora recebi outro da Theresa. 

 © Turbanti Fabio s.n.c.
Siena é a personificação de uma cidade medieval. A cidade é universalmente conhecida pelo seu património artístico e pela notável unidade estilística do seu centro histórico Toda a cidade de Siena, construída em torno da Piazza del Campo, foi concebida como uma obra de arte que combina com a paisagem circundante.

Photo by ATLANTIDE * Edizioni M. T. S.
A Catedral de Siena (Duomo), iniciada no século XII, é um dos grandes exemplos da arquitectura românico-gótica italiana. A sua fachada principal foi concluída em 1380. 
O exterior e o interior são feitos de mármore preto e branco, as cores simbólicas de Siena, derivadas dos lendários cavalos dos fundadores da cidade, Senius e Aschius.

Amalfi - Itália

A Theresa enviou-me vários postais italianos, vou continuar a mostrar mais alguns. Este aqui é de Amalfi, uma cidade na Campânia que dá nome à Costa Amalfitana, classificada pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade. 

Daniele Minopoli Editore
A Catedral de St. André é uma das atracções da cidade. Construída no início de 1200, a catedral possui uma localização dramática no topo de um íngreme lance de escadas, um exterior de influência árabe e as relíquias de Santo André, o Apóstolo estão guardadas na sua cripta. Ligada à catedral está uma antiga basílica (agora um pequeno museu) e o fascinante Claustro do Paraíso, ambos contendo murais medievais.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Cosenza - Itália

A Theresa não sabia que postais me enviar e eu não sabia que postais mostrar. Mostrar os 38 seria demasiado, escolhi então alguns dos que gostei mais. 
Depois do Castel del Monte, fundado pelo Imperador Frederico II, fica a catedral de Cosenza, consagrada pelo mesmo imperador em 1222. 
Esta cidade situa-se na região da Calábria, no sul do país. 


Ediz. Ris. Romano Piero
As origens exactas do catedral são desconhecidas mas terá provavelmente sidoconstruída durante a primeira metade do século XI. Foi destruída por um terremoto a 9 de Junho de 1184, e a reconstrução foi concluída em 1222, quando a catedral foi consagrada pelo imperador Frederico II. 
Durante a primeira metade do século XVIII a igreja foi coberta por uma superestrutura barroca que obliterou a estrutura original e suas obras de arte. Na primeira metade do século XIX, a fachada foi transformada em estilo neo-gótico, o que mudou completamente o seu carácter. No final do século XIX, o arcebispo Camillo Sorgente confiou a obra a Pisanti, que recuperou os antigos arcos originais e a antiga estrutura da igreja. Na década de 1940, o trabalho foi finalmente concluído. 
No transepto encontra-se o túmulo de Isabel de Aragão, esposa do rei Filipe III da França.